Histórico

O Conservatório Municipal de Socorro surgiu da ideia de alguns jovens amigos que foram estudar música no Conservatório de Tatuí. Esses jovens tinham o ideal de preencher uma lacuna cultural da cidade de Socorro, iniciando a formação de novos e bons músicos, proporcionando aos moradores da cidade e região a oportunidade de ter um ensino musical de qualidade por meio da implantação de um espaço público destinado à formação musical.

Ao concluírem seus estudos em Tatuí, retornando à Socorro, começaram a fazer parte do Instituto Cultura & Arte – ICA, e de diversas outras associações e iniciativas, envolvendo diferentes seguimentos artísticos na cidade.

Em 2009 foi elaborado o projeto Conservatório Musical e foi vista a oportunidade de desenvolve-lo efetivamente em 2010, através do Edital proposto pelo Programa Cultura Viva para se tornar um Ponto de Cultura – convênio estabelecido com o Ministério da Cultura e com a Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo.

Em 2009, depois de concorrer com mais 1.300 projetos, o Conservatório Musical ficou entre os 301 Pontos de Cultura escolhidos no Estado de São Paulo, firmando um convênio, que seguiu até o final de 2012.

Com o convênio do Governo Federal e Estadual, o Conservatório também conseguiu o apoio da Prefeitura Municipal da Estância de Socorro. Esses parceiros foram fundamentais na estruturação do Conservatório e deram todo o suporte para a sua objetivação e contratação de professores qualificados para ministrar os cursos previstos dentro do projeto contemplado.

O Conservatório começou a ter visibilidade em Socorro e Região, atingindo 240 inscritos no projeto em 2012, ultrapassando assim sua meta inicial, que era de 170 alunos em 2010.

Em 29 de julho de 2012, a Diretoria do ICA decidiu homenagear um dos artistas mais importantes de Socorro, um antigo sonhador desse projeto, o Maestro Luiz Gonzaga Franco. Desde então, o Conservatório ficou oficialmente conhecido como Conservatório Musical Maestro Luiz Gonzaga Franco – Socorro/SP.

Com a consolidação do projeto e a credibilidade conquistada, a Prefeitura Municipal da Estância de Socorro convidou o Instituto Cultura & Arte – ICA, a se conveniar, municipalizando o Conservatório e mantendo sua administração com o ICA. Dessa maneira, mesmo com o encerramento do contrato do Ponto de Cultura, o projeto Conservatório iria continuar suas atividades. Após a concordância do ICA, em outubro de 2012, o projeto passou a chamar Conservatório Municipal de Socorro Maestro Luiz Gonzaga Franco.

O Instituto Cultura & Arte – ICA tem mantido o Conservatório de Socorro em funcionamento desde a inauguração do projeto. Todas as prestações de contas do Projeto, tanto do Ponto de Cultura quanto as que foram realizadas perante a Prefeitura, foram aprovadas, mantendo-se sempre a transparência nas atividades realizadas pela instituição.

Próximos eventos

Não há eventos se aproximando neste momento.